Portal de Conferências da UnB, 2º Congresso UnB de Contabilidade e Governança - 2nd UnB Conference on Accounting and Governance

Tamanho da fonte: 
Aderência dos Bancos Listados na BM&FBovespa ao CPC 10 (R1) – Pagamento Baseado em Ações
David Victor Rocha do Nascimento, Josimar Pires da Silva, Tiago José Gonzaga Borges, Wesley Daniel Barbosa Gonçalves

Última alteração: 2016-11-15

Resumo


Este trabalhou teve como objeto verificar se os critérios dispostos no CPC 10 (R1) – Pagamento Baseado em Ações no tocante a evidenciação desse tipo de transação, estavam sendo divulgados de forma satisfatória nas notas explicativas dos bancos. Foram selecionados 16 itens a serem evidenciados conforme disposto no CPC 10 (R1). Utilizou-se as notas explicativas divulgadas no sitio eletrônico da BM&FBovespa por meio da análise de conteúdo foi construído o instrumento de pesquisa em que cada item foi classificado recebendo valor 1 em caso de evidenciação ou 0 em caso de evidenciação insatisfatória ou não evidenciação do item, em relação ao disposto no CPC 10 (R1). A amostra final consiste em seis bancos no período de 2011 a 2015. Verificou-se que a média anual das médias de evidenciação satisfatória passou de 70% em 2011 para 80% em 2015. Essa média só não foi maior, por que a maioria dos bancos não evidenciou de forma expressa alguns itens solicitados pela norma. A relação entre o número de itens evidenciado pelos bancos e o segmento de governança corporativa em que eles se encontravam não é uma relação perfeitamente direta, visto que os resultados apontaram que os bancos do segmento Nível 1 (N1) de Governança Corporativa (2 bancos) divulgaram em média mais itens de forma satisfatória do que os bancos no segmento Nível 2 (N2) de Governança Corporativa, entretanto, em relação à média geral dos 5 anos pesquisados um banco sem classificação de segmento foi o que mais evidenciou as informações de forma satisfatória.


Palavras-chave


Pagamento baseado em ações; CPC 10 (R1); Remuneração variável; Evidenciação.

Texto completo: PDF